Fórum de Sustentabilidade e Governança

O caminho natural do desenvolvimento.

21 e 22 de Agosto de 2018
Curitiba | Paraná | Brasil

Palestrantes

Luís Veiga Martins

Luís Veiga Martins é diretor-geral da Sociedade Ponto Verde (SPV) desde novembro de 2005, Administrador Executivo da MOR Online S.A. desde outubro de 2010 e Presidente da PRO Europe desde Abril de 2011.

Anteriormente, por 16 anos (1993-2009), Luís foi diretor comercial no grupo Portucel Soporcel.

Licenciado em Economia (1982-1988) pela Universidade Católica Portuguesa, Luís possui MBA em Gestão com especialização em Marketing (1993-1995), pela mesma Universidade.


Miguel Milano

Miguel Serediuk Milano divide seu tempo como Diretor da Permian Global para o Brasil (Fundo de investimentos baseado no Reino Unido para operações com REDD+) e da Milano Consultoria e Planejamento, através da qual integra, entre outros, o Conselho de Sustentabilidade da Novelis (EUA). Também integra os Conselhos de Administração do Instituto LIFE como seu presidente, do FUNBIO-RJ (Fundo Brasileiro para a Biodiversidade), do Forest Trends (EUA) e da Associação e Site de Notícias O Eco, entre outras organizações não governamentais.

Foi representante da Fundação AVINA para o Sul do Brasil e o Pantanal, diretor corporativo de Responsabilidade Social do Grupo O Boticário, diretor executivo da Fundação O Boticário de Proteção à Natureza, diretor de ecossistemas do IBAMA e diretor da FUPEF (Fundação de Pesquisas Florestais do Paraná).

Miguel Milano é Engenheiro Florestal, Mestre e Doutor em Ciências Florestais pela Universidade Federal do Paraná, tendo sido professor da mesma Universidade por 25 anos e cumprido seu pós-doutorado como professor visitante da Colorado State University. Tem um acervo de 20 dissertações de mestrado e teses de doutorado orientadas, mais de setenta trabalhos técnicos e científicos publicados, incluindo três livros, e ministrou mais de duas centenas de palestras e conferências em eventos nacionais e internacionais relacionados à sustentabilidade e soluções ambientais, responsabilidade social corporativa e investimento social privado, conservação da natureza, planejamento e manejo de áreas protegidas e arborização urbana.


Manoel Sobral Filho

Manoel Sobral Filho é Diretor do Fórum de Florestas das Nações Unidas (UNFF), desde setembro de 2014. Sobral foi também Assistente e posteriormente Diretor Executivo da Organização Internacional de Madeiras Tropicais (OIMT). Antes disso, trabalhou no Instituto Brasileiro de Desenvolvimento Florestal (antecessor do IBAMA) na década de 70 e depois foi pesquisador do Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia (INPA), onde assumiu o cargo Diretor do Laboratório de Produtos Florestais.

Manoel Sobral Filho é graduado em Química pela Universidade de Brasília e tem PhD pela Universidade de Idaho, nos EUA.


Malu Nunes

Malu Nunes é Diretora executiva da Fundação Grupo Boticário e gerente de sustentabilidade do Grupo Boticário.

Malu ingressou na Fundação Boticário em 1991, tornando-se gerente em 2000 e diretora executiva em 2006, tendo assim participado da ou liderado a construção de estratégias fundamentais para os resultados e a imagem alcançadas pela organização atualmente. Desde 2009, Malu também acumula a gerencia de Sustentabilidade do Grupo Boticário, onde seu maior desafio é inserir o tema, de maneira integrada, sistêmica e com visão de longo prazo, em todas as atividades corporativas. Adicionalmente, Malu integra os conselhos diretores do Centro de Ação Voluntária de Curitiba, da Associação O Eco (site de notícias O Eco), da Sociedade para a Conservação das Aves do Brasil (SAVE Brasil) e do Instituto LIFE, que criou e gere a Certificação LIFE de negócios e biodiversidade, da qual foi uma das idealizadoras.

Com consistente trajetória de atuação relacionada à conservação da natureza, investimento social privado, responsabilidade social corporativa e sustentabilidade, em 2013 Malu foi escolhida “Líder Sustentável”, categoria executivo, do Prêmio ABF-Afras Destaques em Sustentabilidade.

Malu Nunes é engenheira florestal pela UFPR, especialista em manejo de áreas protegidas pela Colorado State University (EUA) e mestre em ciências florestais com ênfase em conservação da natureza pela UFPR.


Joésio Siqueira

Joésio Deoclécio Pierin Siqueira é Sócio e Vice-Presidente da STCP Engenharia de Projetos Ltda. Possui mais de 35 anos de experiência na coordenação e elaboração de projetos relacionados ao meio ambiente e sustentabilidade tendo ministrado mais de 200 palestras relacionadas a estes temas.

Coordenador e Responsável Técnico pelo licenciamento ambiental de mais de 40 empreendimentos no Brasil e pela elaboração de planos de manejo em florestas tropicais e em Unidades de Conservação que superam mais de 18 milhões de hectares.

Realiza estudos de viabilidade econômica e financeira para projetos do agronegócio e industrial. Participa da elaboração de planos de desenvolvimento local, regional e nacional para atividades do agronegócio, além de participar de inúmeras consultas relacionadas a legislação ambiental e florestal, políticas públicas e programas setoriais. Tem atuado intensivamente em projetos ambientais na Amazônia brasileira e em países vizinhos (Argentina, Paraguai, Equador, Peru, Bolívia e Colômbia).

Joésio Siqueira é graduado em Engenharia Florestal e Engenharia de Segurança pela Universidade Federal do Paraná, especializado em Administração Pública pela USP, M.Sc. em Manejo Florestal e Doutor em Economia e Política Florestal pela Universidade Federal do Paraná.


Michael Jenkins

Michael Jenkins é o Presidente fundador e CEO da Forest Trends, que tem como missão promover o desenvolvimento de instrumentos econômicos que valorizam serviços ecossistêmicos - carbono, biodiversidade e água - e possibilitar a criação de instrumentos financeiros, que promovam conservação e sustentabilidade do meio ambiente, e ao mesmo tempo, geram benefícios para comunidades locais responsáveis pela gestão de recursos naturais.

A Forest Trends apoia iniciativas na América Latina, Ásia, e África, em estreita colaboração com organizações locais e regionais. Antes de fundar a Forest Trends, Michael foi conselheiro sênior Florestal para o Banco Mundial e diretor adjunto para o Programa de Meio Ambiente da Fundação MacArthur. Michael trabalhou no Haiti com o Programa de Extensão Agroflorestal da USAID, e no Paraguai com o Corpo de Paz (Peace Corps) em projetos de agricultura e apicultura florestais. Sua experiência de campo inclui projetos no Brasil e República Dominicana. Michael tem viajado extensivamente e fala várias línguas. Sua liderança e seu trabalho através da Forest Trends tem sido amplamente reconhecidos por prêmios importantes, incluindo o Prêmio Skoll para Empreendedorismo Social (2010), Prêmio Empreendedor Social da Fundação Schwab e o Prêmio MacArthur para as Instituições criativas e eficazes (2015).

Michael Jenkins é Mestre em Ciência Florestal pela Universidade de Yale.


David Canassa

David Canassa é Gerente Geral de Sustentabilidade do Grupo Votorantim e Diretor da Reservas Votorantim.

Mestre em Eficiência Energética, MBA’s em Sustentabilidade, Gestão de Empresas e Meio Ambiente. Há 25 anos na Votorantim, em sua carreira trabalhou nas áreas de inovação, sustentabilidade, gestão, planejamento estratégico e operações. Conselheiro do Conselho Superior de Meio Ambiente da FIESP e Vice-Presidente da Câmara Temática de Energia e Mudança do Clima do Conselho Empresarial Brasileiro para o Desenvolvimento Sustentável (CEBDS).


Luís Henrique Capanema Pedrosa

Luís Henrique Capanema Pedrosa é Gestor Executivo de Suprimentos MG, RJ, ES, Nordeste e Centro-Oeste na MRV Engenharia e Participações S.A.

Anteriormente Luis Henrique atuou como professor na Fundação Dom Cabral nos cursos de especialização em logística e negócios, trabalhou na Maxion S.A. como engenheiro de projetos, na Mitsubishi Electric Corporation como gerente de suprimentos e por 12 anos na ArcelorMittal Brasil S.A. como especialista de logística e suprimentos. Ainda, conta com experiência internacional de quase 2 anos em Londres, Inglaterra.

Luís Henrique é graduado em Engenharia Elétrica, possui pós-graduações em Finanças Empresariais, Gestão Estratégica e Gestão da Produção, e tem mestrado em Engenharia de Produção pela UFMG.


Weider Silva

Weider é membro do Conselho Diretor da Mepen Energia, que iniciou suas atividades com energia solar e eficiência energética em 2010 e hoje já conta com projetos nos estados do Paraná, Santa Catarina, São Paulo e Minas Gerais. Atuou em cargos de liderança em diversas empresas como General Motors, Ericsson, Atlas Schindler e Sony Ericsson. Mestre em Engenharia Mecânica pela UNICAMP, Weider é certificado pela AEE e pela PMI, com diploma em Design Avançado em Projeto e Instalação de Sistemas Fotovoltaicos da Universidade Estadual da Carolina do Norte. Possui MBA da Escola de Administração de Negócios de São Paulo pela FGV e licenciatura em Engenharia Elétrica pela Universidade Vale do Paraíba.


David Brand

David é membro do Conselho Diretor e Presidente do comitê de investimentos da New Forests, companhia baseada na Austrália, que ele criou em 2005, a qual mantém atividades na Ásia e nos Estados Unidos. Também é membro de conselhos diretores de organizações internacionais como Forest Trends e Centro Center for People and Forests (RECOFTC).

Com mais de 30 anos de experiência em investimentos nos setores florestal-madeireiro, científico (florestal-ambiental) e em políticas públicas, David tem dedicado sua vida profissional à estratégias inovadoras e responsáveis de investimentos no setor florestal e ativos associados, incluindo infraestrutura, bioenergia e mercados ambientais.

Anteriormente, David foi responsável por programas de investimentos integrados de manejo florestal madeireiro e mercados ambientais emergentes na Hancock Natural Resources Group (HNRG), gerente geral executivo das Florestas Estaduais de Nova Gales do Sul (Australia), onde liderou trasações pioneiras no desevolvimento de comercial de mercados ambientais, e ainda, de 1985 a 1995 trabalhou no Serviço Florestal Canadense onde foi diretor de programas científicos e diretor geral de Ciências e Desenvolvimento Sustentável.

David é Bacharel em Ciências Florestais e pela University of Toronto (Canadá) e PhD pela University of British Columbia (Canadá).


Rudolfo Friedrich von Borstel

Rudolfo Friedrich von Borstel, com mais de 13 anos de experiência na área ambiental em empresas de grande porte no Brasil, atualmente, é Gerente Global de Programas Ambientais da empresa Cargill Inc., onde atua desde 2006. Como parte da equipe corporativa de Meio Ambiente, Saúde e Segurança, está focado no desenvolvimento e implantação de programas em toda a organização; sendo a área foco o compliance associados ao transporte, manuseio de materiais, proteção da água, gerenciamento de resíduos, regulação de químicos, remediação ambiental, controle de poluição do ar, licenças e autorizações ambientais, fusões/aquisições/desativações/joint ventures e execução de projetos.

Em sua carreira ele teve forte atuação em gestão de programa ambiental com base no Sistema ISO 14000, avaliação de risco/impacto ambiental e sustentabilidade. Possui MBA em Gestão e Tecnologias Ambientais pela Universidade de São Paulo e é Engenheiro Ambiental formado pela Universidade do Vale do Itajaí.


Flavio Marques Goulart

Flavio Marques Goulart é diretor de assuntos corporativos e comunicação da Japan Tobacco International (JTI) no Brasil, empresa à qual está vinculado já há 6 anos.

Na JTI, entre outras incumbências típicas do cargo que ocupa, como a gestão do relacionamento e da comunicação da empresa com suas partes interessadas, Flavio é responsável pela implementação do “programa desmatamento evitado”, realizado em parceria com seus fornecedores do setor produtivo, e iniciativas sociais como o programa ARISE (Alcançando a Erradicação da Mão de Obra Infantil pelo Suporte à Educação) em parceria com a Winrock International e A Organização Internacional do Trabalho (OIT).

Anteriormente, Flavio trabalhou como agrônomo na área de fertilizantes e defensivos no Nordeste e na produção de tabaco no Sul do Brasil. Também trabalhou em uma ONG voltada ao desenvolvimento local sustentável, dedicando-se a projetos ambientais e de desenvolvimento do jovem rural no Sul do Brasil.

Natural de Pernambuco, Flavio é graduado em Agronomia pela Universidade Federal Rural de Pernambuco, pós-graduado em Marketing pela Escola Superior de Propaganda e Marketing do Rio de Janeiro, e desenvolveu curso de extensão em Educação para o Desenvolvimento Sustentável da Universidade das Nações Unidas (OIT em Turim).


Clóvis Ricardo Schrappe Borges

É diretor-executivo da SPVS (Sociedade de Pesquisa em Vida Selvagem e Educação Ambiental), além de um dos seus membros fundadores.

Clóvis também é conselheiro vice-presidente Instituto LIFE, além de integrante dos conselhos diretores do Instituto Homem Pantaneiro, do Instituto Rã-Bugio e da Rede Pró- Unidades de Conservação (Rede PróUC), e dos conselhos consultivos do FUNBIO (Fundo Brasileiro para a Biodiversidade), do Observatório de Conservação Costeira do Paraná (OC2), do Observatório Justiça e Conservação (OJ&C), e integrante do IUCN Commission on Ecosystem Management (CEM).

Com a vida dedicada à conservação da natureza, Clóvis é um reconhecido profissional do terceiro setor nesta área, sendo fellow das Fundações Ashoka e AVINA, e tendo sido distinguido com os prêmios John and Harriet Dunning para América Latina e Caribe; CTI – Climate Technology Iniciative Leadership (pela CTI/Agência Internacional de Energia da França); Bravo Latin Trade, como conservacionista do ano na América Latina; além de eleito um dos 20 Líderes Sociais do Brasil pelo jornal Gazeta Mercantil.

Clóvis é Médico Veterinário por formação e conta com um mestrado em Zoologia pela Universidade Federal do Paraná.


Regiane Borsato

Regiane é Coordenadora Técnica do Instituto LIFE (Lasting Initiative for Earth), sendo que atua há mais de 15 anos na área de sustentabilidade empresarial.

Iniciou sua carreira como engenheira florestal, na Indústria Klabin de Papel e Celulose, posteriormente dedicando-se ao desenvolvimento e implementação de estratégias empresariais responsáveis, pela empresa de consultoria RBG Conhecimento, notadamente em gestão ambiental e sistemas de certificação com ênfase em manejo florestal, conservação da biodiversidade, gestão de recursos naturais e indicadores ambientais.

Regiane Borsato é Engenheira Florestal, Mestre em Ciências Florestais e Doutora em Meio Ambiente e Desenvolvimento pela UFPR, além de especialista em gestão de projetos pela PUCPR.


Vanessa Machado

Vanessa é Diretora de Identidade Organizacional do Grupo Boticário, sendo responsável pelas áreas de comunicação corporativa, sustentabilidade e cultura.

Acumulando 15 anos de experiência nacional e internacional (França) no desenvolvimento de novos produtos no mercado de cosméticos, Vanessa tem uma comprovada experiência na criação e desenvolvimento de mercado de novos produtos. E no Grupo Boticário, tem gerenciado times multidisciplinares apoiando o desenvolvimento e implementação de novas marcas de sucesso no ambito da corporação.

Vanessa é formada em publicidade e propaganda e tem MBA em Luxo, pela INSEEC.


Paulo Afonso Schmidt

Paulo Afonso Schmidt é Assessor de Energias Renováveis da ITAIPU Binacional e atua como Assessor Especial de Governo do Estado junto aos Gabinetes do Governador e do Vice Governador, desde 2011. Atuou como Secretário de Estado da Educação em 2014, Vice Presidente do Conselho Estadual de Educação e Coordenador do Programa Paranaense de Energias Renováveis. Na Prefeitura Municipal de Curitiba foi Secretário Municipal de Educação (1997/2004), Presidente da Urbanização de Curitiba S/A (2004/2008), Secretário Municipal de Recursos Humanos (2009/2010), além de Funcionário do TECPAR desde 1984. Conta, ainda, com a experiência como Diretor Técnico do Instituto Brasileiro de Qualidade e Produtividade – IBQP (1994/1995), e professor da PUC/PR e Universidade Estadual de Maringá – UEM, em cursos de especialização em Engenharia e Gestão da Qualidade (1992/1994).

Pós-graduado em Gestão Pública pelo Centro de Liderança Pública - CLP/SP, incluindo programa de formação junto à Harvard Kennedy School (2014/15). Possui cursos de formação e estágios no Japão, Reino Unido e certificação como Quality Engineer pela American Society for Quality. É graduado em Engenharia Mecânica, desde 1983, pela Universidade Federal do Paraná.


Ali Abdul Ayoub

Ali Abdul Ayoub, executivo com mais de 25 anos de experiência na área industrial de papel e celulose, é Diretor de Negócios Florestais da WestRock, onde trabalha desde 1995. Nesta função, atua na direção estratégica das atividades florestais e planos de desenvolvimento científico e tecnológico das florestas e seus produtos.

Em sua carreira, Ali teve ainda forte atuação nas áreas de gestão e implantação de projetos de capital, em qualidade, em engenharia de processo e suporte a produção. De 2010 a 2012, foi responsável pelo gerenciamento do Projeto de Expansão da Fábrica de Papel de Três Barras.

É Engenheiro Mecânico formado pela Universidade Federal de Santa Catarina, possui MBA em Gestão de Projetos pela Fundação Getúlio Vargas e Especialização em Tecnologia de Celulose e Papel pela Universidade Federal de Viçosa.


Jacson Roberto Guimarães

Jacson Roberto Guimarães é responsável pelo suporte para os Negócios Florestais e Fábrica de Papel da WestRock, quanto ao cumprimento das condicionantes ambientais das operações, licenciamentos ambientais, autorizações de corte, supressão de vegetação, processos de recuperação de APP e áreas degradadas, educação ambiental, monitoramento de impactos e riscos ambientais, bem como a gestão junto às Agências Ambientais e outros organismos, além de vistorias, fiscalização e auditorias na área de meio ambiente e ainda representante da empresa em fóruns ambientais como Comitê de Águas, Diálogo Florestal e Câmara Técnica Ambiental/FIESC.

Atua há dezoito anos como gestor ambiental de empresa do ramo de celulose e papel. Anteriormente atuou em projetos de implantação e manutenção da ISO 14.001 na unidade fabril de celulose e papel, na adequação da certificação florestal para implantação do sistema FSC em conjunto com o CERFLOR na Operação Florestal; realizou e implementou o licenciamento ambiental para a expansão da planta fabril em um Estudo Ambiental Simplificado (EAS), e está responsável pelo gestão do EIA-RIMA de projeto futuro de ampliação.

Guimarães é Engenheiro Sanitarista, com especialização nas áreas de Tecnologia de Celulose e Papel, Análise e Licenciamento Ambiental.


Ricardo Mayvorme Paim

Com mais de 20 anos de experiência na área de pesquisa e desenvolvimento florestal, Ricardo Mayvorme Paim é atualmente gerente Geral de P&D da WestRock, onde atua desde 1993. A área que lidera tem como foco o desenvolvimento e implantação de programas de pesquisa de curto, médio e longo prazos na área florestal e sua interface com a indústria, que aumentem, de forma sustentável, a produtividade florestal, por meio do melhoramento genético de Pinus e Eucalyptus, entregando para a cadeia produtiva integrada, fibra de alta qualidade e baixo custo de produção, um diferencial competitivo estratégico e relevante.

Em sua carreira, teve forte atuação em gestão de programa de pesquisa tanto no Brasil, como nos Estados Unidos

Ricardo é Engenheiro Agrônomo, formado pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS), possui MSc em manejo florestal pela Purdue University, EUA e concluiu seu curso de doutorado na Universidade Federal do Paraná (UFPR) em 2007.